Home Biden Deputado trumpista filho de imigrantes brasileiros eleito por NY mentiu no currículo, diz o jornal NYT
Biden - EUA - Local - Mundo - Trump - 12/20/2022

Deputado trumpista filho de imigrantes brasileiros eleito por NY mentiu no currículo, diz o jornal NYT

FOLHAPRESS – Uma reportagem investigativa do jornal americano The New York Times publicada nesta segunda, 19, revela que o currículo apresentado pelo deputado eleito George Santos, filho de brasileiros e primeiro republicano abertamente gay eleito nos EUA, contém várias lacunas.

George Santos

O jornal acessou documentos públicos e processos judiciais nos EUA e no Brasil e revelou que o Citigroup e o Goldman Sachs, locais que aparecem na biografia de Santos, não têm registro algum de que o trumpista tenha trabalhado nesses locais. O Baruch College, onde ele diz ter estudado, também não possui registros de sua passagem por ali.

A Receita Federal informou à reportagem que não conseguiu localizar registros do grupo Friends of Pets United, de resgate de animais e ao qual Santos pertence. E, no que tange o dinheiro de Santos, o New York Times não conseguiu encontrar registros de suas propriedades, que ele descreve como uma fortuna familiar no ramo imobiliário.

O jornal encontrou ainda uma passagem de Santos pelo Brasil não mencionada a seus eleitores na campanha. A investigação mostrou que, quando o agora deputado eleito tinha 19 anos, em 2008, ele roubou o talão de cheques de um homem com quem sua mãe trabalhava em Niterói.

Registros policiais mostram que Santos usou o talão para fazer compras. Dois anos depois do roubo, ele confessou o crime. O caso continua sem solução, já que Santos nunca foi encontrado pelas autoridades brasileiras para depor.

Ao New York Times, o advogado de Santos, Joe Murray, disse em breve comunicado que não o surpreende que ele tenha inimigos no jornal que “estão tentando manchar seu nome com difamações”. O texto foi posteriormente publicado nas redes sociais de Santos.

Trumpista convicto, Santos defende as bandeiras do ex-presidente Donald Trump e alega em seu site que os pais “imigraram de forma legal para os EUA na busca do sonho americano, onde começaram suas novas vidas sob os princípios da liberdade e busca pela felicidade.”

Santos foi eleito em novembro, durante as midterms, as eleições de meio de mandato dos EUA, por Long Island no estado de Nova York.

Leia também

Fóssil: embaixador da UE critica postura de Lula com Venezuela, Cuba e Nicarágua

O embaixador da União Europeia no Brasil, Ignacio Ybáñez, criticou nesse domingo, 05, a po…