Home EUA Sobe para 47 o número de mortes causadas por tempestade de inverno nos USA
EUA - Mundo - 12/26/2022

Sobe para 47 o número de mortes causadas por tempestade de inverno nos USA

Buffalo, uma das cidades mais afetadas, proibiu as pessoas de dirigir pelas ruas e mantém o aeroporto fechado

AFP – A tempestade de inverno Elliot, que atingiu os Estados Unidos no fim de semana e continua trazendo temperaturas congelantes para o nordeste do país, matou 27 pessoas no noroeste do estado de Nova York, elevando o número de mortos para 47 em todo o país.

Nas últimas horas, o prefeito de Buffalo, Byron Brown, e outros prefeitos de cidades da região divulgaram as últimas cifras de óbitos, concentrados nesta área e no condado de Niagara, segundo a emissora de televisão local WIVB.

Essas últimas vítimas foram encontradas mortas em veículos ou em residências.

A polícia de Buffalo emitiu um novo comunicado nesta segunda-feira (26) em que adverte que a proibição de dirigir continua em vigor, devido às más condições das estradas, baixas temperaturas e pouca visibilidade.

O aeroporto da cidade também permanece fechado.

No domingo (25), a governadora de Nova York, Kathy Hochul, relatou a morte de sete pessoas e garantiu que as operações de resgate seguiam em curso.

As autoridades proibiram viagens por estrada em seis condados do noroeste (Erie, Niagara, Chautauqua, Orleans, Jefferson e St. Lawrence) desde o fim de semana.

As temperaturas permanecem congelantes em grande parte do leste dos Estados Unidos nesta segunda-feira, após a passagem da tempestade Elliot.

“Grande parte do leste dos Estados Unidos permanecerá congelada na segunda-feira e uma tendência de moderação começará na terça-feira”, afirmou o Serviço Nacional de Meteorologia (NWS) em um comunicado.

A agência afirmou que em algumas áreas ainda é “perigoso” viajar pela estrada devido à neve, mas previu que as condições melhorariam em alguns dias.

O sistema elétrico continua sendo restaurado após o impacto da neve e dos ventos de furacão. Cerca de 100 mil lares e empresas ainda estão no escuro, principalmente nos estados do Maine e Nova York, segundo rastreamento do portal Power Outage.

Durante a passagem da tempestade Elliot, causada por uma frente aérea ártica, quase 1,7 milhão de usuários ficaram sem energia, incluindo residências e empresas.

Mais de 200 milhões de americanos, cerca de 60% da população, enfrentaram algum tipo de alerta ou advertência relacionada ao clima invernal, com temperaturas caindo drasticamente abaixo do normal desde o leste das Montanhas Rochosas até os Apalaches.

A cidade de Nova York experimentou uma temperatura mínima de 10,5°C abaixo de zero no dia de Natal, algo não visto desde 1872. Washington, a capital dos EUA, estava com 10°C abaixo de zero, no Natal mais frio desde 1983, enquanto os termômetros em Tampa, na Flórida, caíram abaixo de zero grau, algo que não acontecia desde 1966.

Leia também

Fóssil: embaixador da UE critica postura de Lula com Venezuela, Cuba e Nicarágua

O embaixador da União Europeia no Brasil, Ignacio Ybáñez, criticou nesse domingo, 05, a po…