Home Biden Trump pede paz negociada na Ucrânia para evitar uma “terceira guerra mundial”
Biden - Mundo - Trump - 10/11/2022

Trump pede paz negociada na Ucrânia para evitar uma “terceira guerra mundial”

JSNEWS – O ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, alertou que o mundo vive a iminência da Terceira Guerra Mundial, mas que ela poderia ser evitada se o conflito entre a Rússia e a Ucrânia terminasse rapidamente com um acordo de paz.

“E agora temos uma guerra entre a Rússia e a Ucrânia com potencialmente centenas de milhares de pessoas morrendo”, disse Trump durante um comício no sábado (8) em Minden, no estado americano de Nevada.

“Devemos exigir a negociação imediata de um fim pacífico para a guerra na Ucrânia, ou vamos acabar na Terceira Guerra Mundial e não restará nada do nosso planeta”, afirmou ele, criticando as “pessoas estúpidas” na administração do seu sucessor, Joe Biden.

Donald Trump afirmou em várias ocasiões que a guerra na Ucrânia não teria acontecido, caso ele tivesse sido reeleito em 2020.

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky assinou um decreto para a implantar a decisão do Conselho de Segurança e Defesa Nacional da Ucrânia em vetar negociações com o presidente russo Vladimir Putin. O porta voz do Kremlin, Dmitry Peskov, afirmou que Moscou esperará por uma mudança na posição de Zelensky ou de seu sucessor.

Recentemente, Putin disse que o Ocidente, liderado pelos Estados Unidos, ultrapassou todos os limites em sua política ‘antirrussa’ e em suas ameaças constantes ao país. O líder da Rússia chegou a ameaçar um ataque nuclear na Ucrânia, caso entenda que o país corre riscos.

Trump critica políticas de imigração de Biden no Arizona

O ex-presidente também criticou, durante um evento no Arizona no dia seguinte, as políticas de imigração do presidente Joe Biden e disse que o país está sofrendo umainvasão” de migrantes. “Devemos parar a invasão através de nossa fronteira sul”, disse Trump.

O ex-presidente deu um impulso ao candidato de seu partido ao governo do estado, Kari Lake, que enfrenta em novembro deste ano uma disputa apertada no estado fronteiriço com a democrata, Katie Hobbs, em uma eleição na qual o voto latino é crucial. Arizona não tem um governador democrata desde 2002.

Durante seu discurso, Trump convidou várias figuras políticas para dividir o palco, incluindo Lake e o presidente do Conselho Nacional de Patrulha de Fronteira, Brandon Judd. Este último deu seu apoio ao ex-presidente, elogiando as duras políticas de imigração do republicano. “A imigração ilegal para o país atingiu seu ponto mais baixo em 45 anos durante o governo Trump”, disse o líder da organização que representa os agentes da Patrulha de Fronteira.

Leia também

SOS da Vida – Paz interior III

Por: Eliana Pereira Ignacio – Olá, meus caros leitores hoje venho encerrar nossa min…