Home Brasil Morre aos 56 anos a cantora gospel e pastora Ludmila Ferber
Brasil - Celebridades - Local - Religião - 01/27/2022

Morre aos 56 anos a cantora gospel e pastora Ludmila Ferber

Cantora e pastora Ludmila Ferber faleceu aos 56 anos de idade após lutar contra um câncer

Da Redação – A cantora gospel e pastora Ludmila Ferber, de 56 anos, morreu na noite dessa quarta-feira, 26. Ela lutava contra um câncer no pulmão desde 2018. A informação da morte foi confirmada pela gravadora Sony Music Gospel.

“Infelizmente a nossa guerreira pastora Ludmila Ferber nos deixou, mas aqui ficam o seu legado, suas canções, seu exemplo, sua tenacidade, seu propósito, sua luta, sua fé, sua arte, sua poesia e sua história! Nossos sentimentos aos familiares. Que Deus console a todos que de alguma forma conviveram com nossa querida pastora! Agora já pode parar de lutar. Descanse em paz!”, diz a mensagem postada no Instagram pela gravadora.

Em março do ano passado, Ludmila Ferber publicou nas redes sociais que estava começando um novo tratamento diante do aumento de células cancerígenas no fígado. “Hoje começo um novo processo no caminho do milagre. Por conta do aumento das células cancerígenas no figado, precisei suspender totalmente a quimioterapia que estava tomando já há dois anos, e buscar um novo tratamento”.

Três meses depois, ela voltou a atualizar os seguidores sobre seu estado de saúde: O último post de Ludmila em seu Instagram foi na segunda-feira, 24, quando ela citou um trecho de sua canção “Buscar Tua Face é Preciso”.

Ludmila Ferber converteu-se ao cristianismo aos 20 anos. Integrou o grupo Koinonya, com o qual gravou oito discos. Em 1996, partiu para a carreira solo e lançou “Marcas”, seu primeiro álbum.

Mais 12 discos de estúdio foram lançados depois disso, o último levou o nome de “Um Novo Começo”, gravado em 2020. Seus maiores sucessos incluem “Sonhos de Deus”, “Sopra Espírito”, “Ouço Deus me Chamar” e “Nunca pare de lutar” – que também é o título de seu livro, lançado em 2013 por Thomas Nelson Brasil.

Amigos e fãs lamentaram a morte de Ludmila 

Fernanda Brum, amiga de Ludmila e também cantora gospel, lamentou a perda nas redes sociais: “Mila, minha amiga, meu coração… Você foi, você é, nossa amizade, seu ministério… São tantas histórias e lembranças que não cabem num post, numa foto. Temos uma vida e um legado. Eu amo você, o que você deixou de aprendizado”.

“Aprendi muito com ela, minha amiga, minha Mila, descanse em paz com nosso Deus, amigo e salvador. Nos encontraremos na eternidade e ela verá os frutos de tudo que plantou! Amor e lágrimas, gratidão… até breve e não adeus.”

A pastora e cantora gospel Cassiane também fez uma homenagem para a amiga: “Receber essa notícia… foi de doer o coração! Não fomos feitos para separação… Por isso a dor!”

“O coração chora… Mas, dia 26/01 é o dia que ela pôde dizer: Combati o bom combate… Acabei a carreira e Guardei a Fé!”

Nos comentários da foto mais recente de Ludmila, os fãs também deixaram sua homenagem:Em tempos de guerra nunca pare de lutar, e lutou até o fim, agora foi descansar com o pai”, escreveu um. “OBRIGADO POR DE FATO, NÃO PARAR DE LUTAR! Descansa guerreira”, escreveu outro.

Leia também

Presidente do Peru tenta golpe de Estado e é preso

BBC NEWS BRASIL – Tudo aconteceu depois que Castillo fez o anúncio inesperado –…