Home Esportes Já era: Brasil perde para a Croácia nos pênaltis e está fora da Copa
Esportes - 12/09/2022

Já era: Brasil perde para a Croácia nos pênaltis e está fora da Copa

A Croácia acertou todas as cobranças e venceu por 4 a 2. Pelo lado brasileiro, Rodrygo parou em defesa de Livakovic - grande nome da partida - e Marquinhos chutou o último pênalti na trave. Neymar, o quinto da lista, nem chegou a bater.

Da Redação – Infelizmente não deu. O Brasil cai de novo nas quartas de final da Copa do Mundo. Desta vez, a Seleção perdeu nos pênaltis para a Croácia após empate por 1 a 1 nesta sexta (9), no Estádio Cidade da Educação, em Al Rayyan (Catar).

Enquanto o Brasil toma o caminho do aeroporto internacional de Hamad, a Croácia aguarda quem vencer logo mais o confronto entre Argentina e Holanda. As duas equipes se enfrentam a partir das 18 horas (de Brasília), no Lusail. A partida da semi acontecerá na terça, também às 18 horas, também no principal estádio do Mundial.

Desde 2002, quando ficou com o pentacampeonato, a seleção brasileira não vence um rival europeu nas quartas. Bateu a Turquia (no Mundial Japão e Coreia 2002), mas parou França (Alemanha 2006), Holanda (África do Sul 2010), Alemanha (Brasil 2014) e Bélgica (Rússia 2018).

Nas cobranças de pênaltis, de Rodrygo (o goleiro defendeu), Casemiro, Pedro Marquinhos (trave) bateram para os pentacampeões.

Do lado croata, Vlasic, Majer, Modric e Orsic cobraram, todos com perfeição, para os atuais vice-campeões mundiais.

O Jogo

Num primeiro tempo equilibrado, foram raras chances de gol. Na etapa final, o Brasil melhorou e criou grandes oportunidades, mas as desperdiçou – ora por falta de pontaria, ora por grandes intervenções do goleiro Livakovic. Ofensivamente, a Croácia pouco fez.

A dinâmica do segundo tempo se repetiu na metade inicial da prorrogação, com o Brasil criando mais. Aos 15 minutos, Neymar tabelou com Paquetá, driblou Livakovic e marcou. O camisa 10, que vivia uma noite apagada, igualou Pelé como o maior artilheiro da história da Seleção Brasileira, com 77 gols.

Na metade final do tempo extra, o Brasil viu a Croácia avançar as linhas. Mas foi em um contragolpe, numa falha estratégica brasileira, que os croatas empataram. Petkovic chutou de fora, a bola desviou em Marquinhos e morreu no fundo das redes. A disputa, então, foi para os pênaltis.

FICHA TÉCNICA

CROÁCIA x BRASIL

Local: Estádio Cidade da Educação, em Al Rayyan (Catar)
Data/Horário: 09/11/2022, ao meio-dia (horário de Brasília)
Árbitro: Michael Oliver (ING)
Assistentes: Stuart Burt (ING) e Gary Beswick (ING)
Árbitro de Vídeo: Pol van Boekel (HOL)

Cartões amarelos: Brozovic, Petkovic (CRO), Danilo, Casemiro, Marquinhos (BRA)
Gols: Neymar (16’/1T PRO, 0-1), Bruno Petkovic (11’/2T. PRO, 1-1)

CROÁCIA

Dominik Livakovic, Josip Juranovic, Dejan Lovren, Josko Gvardiol, Borna Sosa (Ivan Budimir, 4’/2T PRO); Marcelo Brozovic (Miroslav Orsic, 8’/2T PRO), Mateo Kovacic (Lovro Majer, INT/PRO), Luka Modric; Mario Pasalic (Nikola Vlasic, 27’/2T), Andrej Kramaric (Bruno Petkovic, 27’/2T), Ivan Perisic. Técnico: Zlatko Dalic.

BRASIL

Alisson, Éder Militão (Alex Sandro, INT/PRO), Thiago Silva, Marquinhos, Danilo; Casemiro, Lucas Paquetá (Fred, INT/PRO); Raphinha (Antony, 10’/2T), Neymar, Vinícius Júnior (Rodrygo, 18’/2T); Richarlison (Pedro, 38’/2T). Técnico: Tite.

Leia também

Fóssil: embaixador da UE critica postura de Lula com Venezuela, Cuba e Nicarágua

O embaixador da União Europeia no Brasil, Ignacio Ybáñez, criticou nesse domingo, 05, a po…