Home EUA Imigrantes indocumentados devem ter cuidado ao ir aos aeroportos

Imigrantes indocumentados devem ter cuidado ao ir aos aeroportos

JSNEWS – Os imigrantes indocumentados podem viajar de um estado para outro, mas há sempre o risco de encontrar uma autoridade de imigração que poderá pedir uma identificação, especialmente em um aeroporto.

A organização Civil Immigrants Rising explica que os oficiais da Administração de Segurança nos Transportes (TSA) devem aceitar certas identidades para imigrantes indocumentados ao embarcar em um voo.

“Todas as pessoas que viajam em um voo doméstico devem apresentar um documento de identificação com foto válido (atual) emitido pelo governo estadual ou federal”, disse a organização em um guia para imigrantes indocumentados.

Indivíduos indocumentados podem usar as seguintes formas de identificação aceitas pela TSA:

  • Carteira de identidade do Estado com foto
  • Carteira de Habilitação Estadual
  • Identidade Militar
  • Passaporte estrangeiro (preferencialmente válido)
  • Carteira de Autorização de Emprego (EAD) – O EAD aplica-se aos imigrantes com alguma proteção temporária, como pessoas com DACA ou Status de Proteção Temporária (TPS).

Agentes da Patrulha de Fronteira podem estar nos aeroportos se o terminal estiver a até 100 milhas de uma fronteira.

Deve-se lembrar que os agentes da Alfândega e Proteção de Fronteiras (CBP) trabalham nos terminais, pode até ter funcionários da Imigração e Alfândega (ICE) nesses aeroportos, que poderiam pedir a uma pessoa que ela se identifique.

No entanto, sob a Quinta Emenda, você tem o direito de permanecer em silêncio e não precisa responder a perguntas sobre onde nasceu, se é cidadão dos Estados Unidos ou como entrou no país.

Recorde-se também que existem regras separadas nas fronteiras e aeroportos internacionais, e para pessoas com certos vistos de não imigrante, incluindo turistas e viajantes de negócios.

Se uma pessoa não é um cidadão dos EUA, mas tem documentos de imigração válidos, mostre-lhes se um agente de imigração solicitar. Não minta sobre seu status de cidadania ou forneça documentos falsos.

Em maio de 2025, quando entrará em vigor do chamado REAL ID, ao qual os imigrantes indocumentados não terão direito, estes poderão enfrentar mais problemas em aeroportos.

Leia também

Quase mil crianças imigrantes seguem separadas dos pais nos Estados Unidos

AFP – Um total de 998 crianças imigrantes separadas de suas famílias durante o manda…