Home EUA Líder de plano para sequestrar governadora de Michigan é condenado a 16 anos de prisão
EUA - Policial - 12/27/2022

Líder de plano para sequestrar governadora de Michigan é condenado a 16 anos de prisão

REUTERS – O líder de uma conspiração frustrada de membros de grupos de milícias de direita para sequestrar a governadora de Michigan, Gretchen Whitmer, foi condenado a 16 anos de prisão nesta terça-feira em um tribunal distrital dos Estados Unidos, disseram promotores.

Adam Fox foi considerado culpado em agosto por um júri do tribunal federal em Grand Rapids, Michigan, por uma acusação de conspiração para sequestrar Whitmer, do Partido Democrata, e conspiração para usar uma arma de destruição em massa em um esquema que os promotores disseram ter a intenção de desencadear uma “segunda revolução americana”.

O também réu Barry Croft Jr., como Fox, um membro do grupo de milícia Three Percenters, foi condenado pelas mesmas acusações no mesmo julgamento e deve ser sentenciado na quarta-feira.

Os promotores descreveram Fox como o cérebro por trás de uma conspiração para invadir a casa de férias de Whitmer, sequestrá-la sob a mira de uma arma e levá-la para um “julgamento” por falsas acusações de traição para ser executada.

Os promotores também disseram que a conspiração, precipitada pela oposição do grupo às medidas de saúde pública impostas por Whitmer durante os primeiros dias da pandemia da Covid-19, visava levar o país a um conflito armado antes de o que viria a ser uma corrida presidencial contenciosa em novembro de 2020.

Fox e Croft estavam entre os 13 homens presos em outubro de 2020 pela conspiração de sequestro.

Leia também

Quase mil crianças imigrantes seguem separadas dos pais nos Estados Unidos

AFP – Um total de 998 crianças imigrantes separadas de suas famílias durante o manda…